Logo Agroattraction

Maçã-de-elefante: Conheça essa fruta e acabe com dores em geral

Maçã-de-elefante: Conheça essa fruta e acabe com dores musculares, inlamações, artrose e reumatismo
maça-de-elefante

A maçã-de-elefante, também conhecida como dilênia, é uma fruta originária da Ásia e muito utilizada na medicina popular devido às suas propriedades terapêuticas.

Acredita-se que ela tenha ação analgésica, anti-inflamatória e antioxidante, sendo indicada para o tratamento de dores musculares, inflamações, artrose e reumatismo.

Além disso, a maçã-de-elefante também é utilizada para melhorar a digestão e combater vermes intestinais. Neste artigo, vamos explorar mais sobre as utilidades dessa fruta e seus benefícios para a saúde.

Para que serve a maçã-de-elefante com Alcool?

A maçã-de-elefante com álcool tem sido utilizada popularmente como um remédio natural para aliviar dores musculares, inflamações, artrose e reumatismo.

Estudos e pesquisas comprovam a ação terapêutica da maçã-de-elefante em tratamentos dessas condições.

Além disso, a maçã-de-elefante é comestível apenas se cozida e tem uma polpa gelatinosa com muitas sementes envoltas por uma casca fina e dura. Neste contexto, a mistura da maçã-de-elefante com álcool 70% tem sido utilizada para massagear áreas afetadas, proporcionando alívio e bem-estar.

Como se usa a maçã-de-elefante?

A maçã-de-elefante é uma fruta comestível apenas se cozida, pois sua polpa é gelatinosa e contém muitas sementes envoltas por uma casca fina e dura.

É utilizada em doces, sucos e conservas.

Além disso, há estudos e pesquisas que comprovam sua ação terapêutica em tratamento de dores musculares, inflamações, artrose e reumatismo, sendo considerada uma poderosa fruta medicinal.

A crença popular também atribui à maçã-de-elefante grande poder analgésico. Portanto, pode ser utilizada em garrafadas para massagens e alívio de dores.

Como é a fruta maçã-de-elefante?

A fruta maçã-de-elefante é uma cápsula globosa, pêndula, indeiscente, de pericarpo duro e fino, e circulada pelo cálice, que se torna carnoso.

Ela contém numerosas sementes envoltas em polpa gelatinosa e é comestível apenas se cozida. Sua casca é fina e dura, e os frutos, depois de formados, se assemelham a um coco verde.

Além disso, a maçã-de-elefante é uma árvore ornamental com folhas grandes e enrugadas, nativa da Ásia, principalmente da região da Índia.

Como fazer chá de maçã-de-elefante?

Para fazer chá de maçã-de-elefante, é necessário ferver 2,5 litros de água com 100g de maçã desidratada, 1 pau de canela e 3 cravos por cerca de 1 minuto. Em seguida, coe e adoce a gosto.

O chá de maçã-de-elefante é rico em polifenóis e fibras, que ajudam na prevenção de doenças cardiovasculares, além de ter ação terapêutica em tratamento de dores musculares, inflamações, reumatismo e artrose.

Neste vídeo, a dona do canal Culinária em Casa fala a respeito da receita de maça de elefante no alcool

É importante lembrar que as plantas medicinais não substituem o acompanhamento médico e em altas doses podem ser prejudiciais à saúde.

Como fazer suco de maçã-de-elefante?

De acordo com a pesquisa realizada, é possível fazer suco de maçã-de-elefante utilizando a polpa da fruta em conjunto com água.

Para preparar, basta bater a polpa madura da fruta em um liquidificador com um pouco de água até que o aparelho consiga funcionar.

Em seguida, transfira o preparo para um recipiente de vidro sem incidência de luz e deixe curtir por cerca de uma hora. O suco pode ser utilizado como um analgésico natural no tratamento de dores musculares, inflamações, artrose e reumatismo.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *