Logo Agroattraction

Capim Tifton: Guia Completo sobre a Forrageira!

tifton-85-agroattraction-1.jpg

O capim Tifton, uma variedade de gramínea forrageira, destaca-se no uso para alimentação de gado, especialmente na produção de feno de alta qualidade. Esta gramínea sobressai pela sua elevada produtividade e valor nutricional, sendo uma escolha superior para a dieta animal.

  1. Tempo de Crescimento do Tifton: Normalmente, o Tifton leva entre 45 a 60 dias para amadurecer suficientemente para o primeiro corte ou pastejo, após o seu plantio. Este período, contudo, pode sofrer variações em função das condições climáticas e de manejo.
  2. Proteína no Tifton: Em relação ao seu teor proteico, o Tifton apresenta uma média de 12% a 17% de proteína bruta. Esse nível elevado de proteína faz dele um alimento altamente nutritivo para o gado.
  3. Ciclo do Capim Tifton: O ciclo completo do capim Tifton, desde o plantio até o corte, dura tipicamente de 45 a 60 dias. Após o primeiro corte ou pastejo, é aconselhável cortar ou pastorear a planta a cada 28 a 35 dias, dependendo das condições ambientais. Para garantir a qualidade e a saúde da planta, é crucial um manejo apropriado, especialmente em relação à altura do corte.

Impacto da Irrigação no Capim Tifton 85

A irrigação desempenha um papel crucial no aumento da produtividade do capim Tifton 85.

O estudo revela que a aplicação de água melhora significativamente a qualidade da forragem, especialmente em termos de digestibilidade e composição nutricional.

Este achado é essencial para regiões com variações climáticas, onde a irrigação pode garantir um fornecimento constante de forragem de alta qualidade.

Influência da Sobressemeadura com Aveia

A sobressemeadura com aveia mostrou ter um impacto positivo na produtividade do capim Tifton 85.

A combinação de aveia com o Tifton 85 resulta em uma forragem mais rica em nutrientes, especialmente durante os ciclos de pastejo em que a aveia está ativa.

Essa prática pode ser particularmente útil em regiões de clima temperado, onde a aveia pode crescer eficientemente.

Variação Nutricional ao Longo dos Ciclos de Pastejo

O estudo destaca como os ciclos de pastejo afetam a composição nutricional do capim Tifton 85.

Observou-se uma variação significativa nos níveis de proteína bruta, o que indica a importância de um manejo cuidadoso para manter uma qualidade consistente da forragem.

Essas informações são cruciais para os pecuaristas que buscam otimizar a dieta do gado e melhorar a eficiência alimentar.

Benefícios do Manejo Adequado

A pesquisa ressalta a importância de um manejo adequado do capim Tifton 85.

A escolha certa das técnicas de irrigação e sobressemeadura influencia diretamente na qualidade e quantidade da forragem produzida.

Práticas de manejo eficientes podem levar a um aumento significativo na produção de massa seca, proporcionando um pasto mais nutritivo e sustentável para o gado.

Considerações Finais e Recomendações

O estudo conclui enfatizando a relevância do capim Tifton 85 como uma opção forrageira viável para diferentes sistemas de produção.

As recomendações incluem a adoção de estratégias de manejo personalizadas, baseadas nas condições climáticas e nas necessidades específicas do gado, para maximizar os benefícios da forragem Tifton 85.

Referência bibliográfica

Estas informações são um resumo dos principais pontos abordados no documento “Produtividade e Valor Nutritivo do Capim Tifton 85 Irrigado e Sobressemeado com Aveia” de Arthur Carniato Sanches, e visam agregar valor ao seu conhecimento sobre o capim Tifton como forrageira.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *