Logo Agroattraction

Tudo sobre Misturador de Calda para Drone

WhatsApp-Image-2024-02-07-at-07.31.15_Easy-Resize.com_.jpg

Um misturador de calda para drones prepara e mistura soluções líquidas como pesticidas, herbicidas, fungicidas, e fertilizantes líquidos, além de outros tratamentos agrícolas, para sua aplicação através de um drone de pulverização.

Estas soluções, também conhecidas como caldas, resultam da combinação precisa de produtos químicos ou biológicos concentrados com água ou outro solvente, ajustadas para atender às necessidades específicas de tratamento de culturas ou terrenos.

A importância central do misturador de calda reside na sua capacidade de garantir uma mistura homogênea, assegurando uma concentração constante do ingrediente ativo durante toda a aplicação.

Essa homogeneidade é fundamental não apenas para a eficácia do tratamento, mas também para minimizar o desperdício de insumos e evitar danos ao meio ambiente ou às culturas.

Contrastando com métodos tradicionais, onde se prepara a calda em grandes tanques e se aplica por meio de equipamentos terrestres, o misturador de calda adaptado a drones facilita uma preparação mais flexível e uma aplicação mais precisa. Esse método se mostra particularmente vantajoso em áreas de difícil acesso para equipamentos terrestres, como:

  • Terrenos irregulares,
  • Cultivos densos,
  • Regiões remotas.

Além disso, a tecnologia de mistura e aplicação via drones traz benefícios significativos, como:

  • Redução da exposição humana a químicos perigosos,
  • Possibilidade de aplicação direcionada para diminuir a pulverização excessiva e o escoamento,
  • Flexibilidade para tratar áreas sob condições que limitariam o uso de métodos convencionais devido a restrições de tempo ou características do terreno.

Quais modelos de Misturador de Calda para Drone existem no Brasil?

No Brasil, existem algumas opções de misturadores de calda para drones disponíveis no mercado, cada um com características específicas para atender a diferentes necessidades agrícolas. Aqui estão detalhes sobre alguns dos principais modelos encontrados:

  1. Misturadores de Calda para Drones Farm Mix – Vendidos pela Dronecenter, esses misturadores possuem especificações para facilitar o uso com drones agrícolas:
    • Capacidade de 170 litros,
    • Equipados com tanque com fundo cônico em polietileno,
    • Possuem 2 agitadores de calda com acionamento individual,
    • Estrutura reforçada,
    • Design compacto para fácil transporte.
    Para mais informações sobre preços e disponibilidade, é recomendado entrar em contato diretamente com a Dronecenter.
  2. Tanque Misturador de Calda 600 Litros 1cv 3500RPM 220V Profissional de Alto Desempenho – Este produto é encontrado na loja Drone Direto e possui as seguintes características:
    • Capacidade de 600 litros,
    • Motor de 1cv e 3500RPM,
    • Funcionamento em 220V,
    • Preço listado como R$ 16.990,00, podendo variar.
  3. Drone Mix 130L – Vendido pela Campear, oferece uma solução compacta e eficiente para a mistura de caldas:
    • Capacidade de 130 litros,
    • Tanque com fundo cônico em polietileno,
    • 2 agitadores de calda com acionamento individual,
    • Preço de R$ 7.200,00.
  4. Pré Mix 600 Misturador – Também disponível na Campear, é uma opção para quem precisa de uma capacidade maior:
    • Incorpora defensivos de forma eficiente, preparando a calda com qualidade e agilidade,
    • Capacidade significativa,
    • Preço de R$ 10.900,00.

Como fazer um misturador de calda para drone mais barato?

Neste vídeo, o pessoal do @Piloto de Drone Raiz nos ensina como fazer um misturador por 1/5 do preço.

O fato é que pagar mais de R$ 8.000,00 em um produto desses não é fácil. Em alguns momentos existem misturadores que ultrapassam a faixa dos R$ 15.000,00.

Por este motivo, os operadores de Drone estão pensando em outras soluções que tenham melhor custo/benefício.

É importante que você pense bem no que vale a pena.

Passo a passo para fazer uma boa mistura de calda

Neste vídeo, além do uso de um popular “tanquinho de lavar roupas”, o produtor nos explica o passo a passo para fazer uma boa calda para pulverizar com Drones

Para fazer uma boa mistura de calda para drones, siga este passo a passo:

  1. Seleção de Produtos: Escolha os defensivos e fertilizantes líquidos adequados para sua necessidade.
  2. Medição Precisa: Meça os volumes de água e produtos químicos conforme recomendado.
  3. Uso de Misturador: Utilize um misturador de calda para assegurar a homogeneização dos ingredientes.
  4. Teste de pH e Compatibilidade: Se necessário, teste o pH e a compatibilidade dos produtos.
  5. Filtragem da Calda: Filtre a calda para remover impurezas antes de carregá-la no drone.
  6. Proporção Correta: Mantenha a proporção correta para garantir a eficácia da aplicação.

Certifique-se de seguir cada etapa cuidadosamente para uma aplicação eficaz.

Como dimensionar o gerador para minha operação de Drones?

Para dimensionar o consumo da operação de um drone e do misturador de calda, siga estes passos:

  1. Liste Equipamentos: Identifique todos os equipamentos que serão alimentados pelo gerador (drone, misturador de calda, etc.).
  2. Some os Consumos: Verifique o consumo em watts (W) de cada equipamento nas especificações técnicas e some-os para obter o consumo total.
  3. Adicione uma Margem: Para garantir eficiência e evitar sobrecarga, adicione uma margem de segurança de 20% ao consumo total.
  4. Escolha o Gerador: Com base no consumo total ajustado, escolha um gerador que atenda a essa demanda mais a margem de segurança.

Boas opções de geradores incluem modelos portáteis a gasolina ou diesel, com potência variando conforme a necessidade calculada. Marcas como Honda, Yamaha, e Briggs & Stratton oferecem modelos confiáveis que podem atender a diversas demandas de potência.

Em resumo: Para dimensionar o consumo de energia de sua operação com drones e misturadores de calda, você precisa calcular a potência total necessária. Some a potência (em watts) de cada equipamento, incluindo o drone e o misturador. Por exemplo, se um drone consome 500W e o misturador 1000W, o consumo total será de 1500W. Adicione uma margem de segurança de 20% ao total para acomodar picos de consumo, o que daria 1800W. Escolha um gerador que possa fornecer pelo menos essa potência.

Para converter a capacidade de um drone ou qualquer outro equipamento de KVA (quilovolt-ampere) para watts (W), é necessário conhecer o fator de potência do equipamento, que indica a eficiência com que ele usa a energia elétrica. O fator de potência varia de 0 a 1. Multiplique a capacidade em KVA pelo fator de potência para obter os watts. Por exemplo, se um drone tem 1 KVA de potência e um fator de potência de 0.8, o cálculo seria: 1 KVA * 0.8 = 0.8 kW, ou 800 watts.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *